Você compra um carro de 60 mil reais e a fábrica lhe entrega apenas uma chave para acionar a trava das portas. A chave reserva funciona mas você precisa usar o cilindro da fechadura.

Por isso resolvi fazer uma chave com controle adicional. Infelizmente ainda não achei (com preço justo) o circuito / botões de acionamento, ou seja, comprei apenas a parte externa da chave (estojo / case). Optei por um modelo canivete. Continuarei procurando a parte interna e assim que encontrar alguma solução posto por aqui.

Vamos lá!!!
ATENÇÃO!!! Nossos tutoriais são meramente informativos. A veracidade das informações apresentadas são de inteira responsabilidade do colaborador. Não nos reponsabilizamos pela execução do passo-a-passo.  Caso não seja apto a realizar o trabalho, contrate um profissional capacitado.

Objetivo: Adaptação de uma chave canivete para o Suzuki Jimny / SX4 / Gran Vitara.

Nível de dificuldade: Muito fácil - Exige conhecimentos básicos e e ferramentas simples. Pode ser realizado na garagem de casa por pessoas com pouca experiência. Pouca chance de acidente / dano. Ex. trocar o limpador do parabrisa, trocar a lâmpada do farol.

Tempo necessário: 2 horas.

Material necessário:

  • Assistência de um chaveiro profissional
  • Chave philips de precisão (Impressões)
  • Cola contato
  • Pedaço de papel
  • Chave canivete

Custo aproximado: R$120,00 (cento e vinte reais).

Necessidade de alguém para auxiliar? Sim, será necessário auxílio de um chaveiro profissional.

Passo a passo:

Repare que a chave canivete tem uma lâmina lisa.

Por isso leve a lâmina da chave canivete para um chaveiro profissional copiar o desenho da chave original.

O chaveiro começou com a chave canivete montada. Depois, após minha insistência, preferiu fazer o trabalho com a lâmina separada do case.

Teste a nova lâmina no cilindro da porta e cilindro de ignição. Se a cópia ficou bem feita as fechaduras e o miolo serão acionados sem dificuldade ou força adicional.

Repare que o cilindro de ignição gira, mas o carro não liga, afinal transponder ainda está na chave original.

Então desmonte ambas as chaves, pois você precisará trocar o módulo de acionamento e o transponder de estojo.

É bastante simples desmontar. Basta retirar os parafusos em cada uma delas (um parafuso na chave original e dois parafusos na chave canivete).

Ambas chaves desmontadas.

Detalhe para o dispositivo de acionamento do módulo de travas elétricas.

Referência do dispositivos original.

Depois de retirar o dispositivo de acionamento do módulo de travas elétricas, instale-o na nova chave. Segundo o chaveiro, isso seria suficiente pois o transponder estaria dentro dessa peça.

Dispositivo encaixado na chave canivete.

Posicione a mola no local, tensione no sentido correto e feche a chave canivete. Repare atentamente como o mecanismo de abertura funciona e monte com cuidado pois as peças são frágeis. Instale os dois parafusos. Cole o símbolo da Suzuki no local (use pouca cola pois pode ser necessário removê-lo para trocar a bateria futuramente).

Depois de fechada a chave, teste seu funcionamento.

Bom, seguindo o conselho do chaveiro, coloquei na ignição, girei… e NADA.

A luz do CODE (cadeado alaranjado no canto superior esquerdo do painel) piscava o tempo todo. Ou seja, o transponder não estava liberando o módulo da injeção eletrônica. O motor de partida girava e o motor não ligava. Como se estivesse sem combustível.

Testei com a chave antiga (original) e funcionou na primeira tentativa!!! Conclusão. O transponder ainda se encontrava instalado na chave original. O chaveiro estava enganado.

Então fui para casa e desmontei novamente a chave original.

Retire o parafuso com uma chave philips de precisão.

Retire o dispositivo de acionamento e veja as travas para liberar a tampa do outro lado da chave.

Libere primeiro a trava solitária, facilita a remoção.

Pronto!! Achei o transponder escondido atrás da capa.

Depois de desmontar a chave, retire cuidadosamente o transponder de seu alojamento.

Repare no transponder (peça em forma de trapézio) abaixo da chave, ao lado do parafuso.

Posicione o transponder na chave canivete.

Optei por fixar com um calço de papel. Ficou firme e não caiu após vários testes (movimentos bruscos / trepidação). Preferi não colar, pois talvez seja necessário removê-lo futuramente e assim evito danificar a peça durante a retirada.

Calço de papel para posicionar o transponder no case novo.

Repita os passos para fechar sua chave canivete.

Pronto!!! Voltei ao Jimny, testei e voilà!!! Ligou.

Dispositivo de acionamento do módulo das travas elétricas e transponder instalados na chave canivete!!!

Chave canivete no cilindro de ignição.

Impressões finais:

Gostei. Apesar da contratempo com o transponder, gostei do resultado final.

A chave é mais leve que a original e mais prática para carregar.

Ambas chaves não possuem vedação para água!!! Por isso cuidado durante as trilhas. Se molhar… pode danificar o dispositivo (apesar dele possuir vedação).

O chaveiro me passou algumas dicas importantes para aumentar a durabilidade da chave canivete. Ele afirmou que recebe reclamações constantes sobre folga no eixo da lâmina que impede a abertura / fechamento dela.

- Quando usar a chave canivete para ligar o carro ou abrir as portas, posicione os dedos o mais próximo possível da lâmina, poupando o corpo da chave da força aplicada. Evite torcer a chave segurando na outra extremidade.

- Evite abrir e fechar a lâmina desnecessariamente. Quando fechar, procure fazer um movimento alinhado com o eixo de rotação da lâmina.

- Use chaveiros leves, evite peso adicional desnecessário (evita desgaste na chave canivete e no cilindro de ignição também).

Um tanto mais prático de carregar!! Facilita encontrar na bolsa, protege a lâmina quando fechada.

Agora vou pesquisar uma forma de adquirir um transponder sobressalente, além do dispositivo de acionamento das travas elétricas. Depois de instalar ambos na chave antiga, terei duas chaves que acionam o alarme / trava das portas. E uma terceira chave… reserva.
Até o próximo!!! Abraços.